Os beneficiários do Bolsa Família inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais poderão contar com o microcrédito do Plano Progredir nos próximos 12 meses. O Ministério de Desenvolvimento Social (MDS) anunciou que R$4 bilhões serão destinados a esse fim, com operação feita pelas principais instituições bancárias do país. A primeira leva de recursos do plano foi liberada em setembro de 2017 e, em 10 meses, 1,1 milhão de pessoas foram beneficiadas.

Segundo informações da Agência Brasil, a média dos empréstimos realizados está na casa dos R$2,9 mil, enquanto que o limite máximo estabelecido pelo MDS é de R$5mil. O governo indica que o propósito do programa é desenvolver e estimular ações de empreendedorismo, acesso ao mercado de trabalho e qualificação profissional.

Alberto Beltrame, ministro de Desenvolvimento Social, indicou durante a cerimônia de anuncio que o objetivo dos programas sociais é fazer com que as famílias possam se emancipar e criar autonomia.

Como ter acesso às oportunidades

Ao acessar o site do Plano Progredir, no portal do Ministério do Desenvolvimento Social, o beneficiário encontra 3 opções principais: Quero um Emprego, Quero me Qualificar e Quero Empreender.

Quero um Emprego
Na aba Emprego, são oferecidas oportunidades para os cidadãos inscritos no Cadastro Único, em especial no Bolsa Família. Nesse sentido, o beneficiário pode contar com uma ferramenta digital para elaborar um currículo adequado ao mercado de trabalho e otimizar suas oportunidades de conseguir uma colocação. Com o CV pronto, o candidato pode buscar ofertas de emprego próximas à região onde reside.

Quero me Qualificar
Para aumentar as oportunidades de trabalho, o candidato também pode investir na qualificação oferecida por meio do portal. Além de cursos voltados ao mercado, há opção que incluem educação financeira e digital. Para aqueles que encontram certa dificuldade em acessar a internet para a realização dos cursos, há uma lista de locais onde é possível navegar gratuitamente pela rede.

Quero Empreender
Por fim, para aqueles que desejam investir no próprio negócio no sentido de aumentar a renda da família, são oferecidos cursos com noções básicas de administração e empreendedorismo, essenciais para direcionar o investimento de tempo e dinheiro.

Como obter crédito para o seu negócio

No portal do Plano Progredir, o beneficiário pode escolher a opção “Microcrédito Produtivo Orientado”, dentro da aba “Fortaleça o seu Negócio”. O empréstimo, em dinheiro, é realizado por instituições parceiras do programa. Há três possibilidades para o pequeno empreendedor: fazer o empréstimo para ampliar um negócio já existente; investir em melhorias; ou contar com o crédito para dar início a uma nova ideia.

Há também orientação para aqueles beneficiários que desejam regularizar a situação junto à Receita Federal. Por meio da formalização como Microempreendedor Individual (MEI), o pequeno empresário fica em dia com os tributos e também garante a contribuição ao INSS.

Para ter acesso a todas essas informações de forma mais detalhada é preciso realizar o cadastro no site, indicando o número do CPF e criando uma senha. O sistema verifica automaticamente se o usuário faz parte do Cadastro Único ou se precisa regularizar a inscrição.

Fonte: rede bom dia

Deixe seu comentário

Comentários

Cadastre-se é grátis!

Receba avisos sobre programas abertos no siconv, artigos, cursos e fique por dentro.

Cadastro realizado com sucesso!

WhatsApp WhatsApp